COMPARTILHE

Razões para visitar Évora sempre existiram. Esta cidade foi e será cada vez mais um dos destinos preferidos em Portugal de turistas nacionais e estrangeiros. A página que está prestes a ler contem apenas um dos possíveis top 10 dos motivos que podem levar alguém a visitar Évora nos próximos tempos. Esperamos por si!

Visitar Évora – Localização

Templo Romano de Évora
Templo Romano de Évora

Onde fica Évora? No coração do Alentejo a meio caminho entre Lisboa e a região da Estremadura em Espanha.

Ou seja, se não houvesse já razões suficientes para visitar Évora pela beleza da cidade, a sua localização faz dela um ponto de partida ideal para visitar o Alentejo das cidades, vilas e paisagens; provar a sua gastronomia; conhecer a sua história; descansar ou ser radical na planície ou no mar.

Quem viajar em Portugal entre o Algarve e o norte ou entre a região de Lisboa e a Espanha que começa em Badajoz, em direcção a Madrid, tem em Évora uma visita obrigatória. Não venha só de passagem e fique uns dias.

Visitar Évora – Património mundial Unesco

Évora
Évora

Évora foi considerada património mundial pela Unesco em 1986. Segundo a organização, Évora é uma cidade-museu cujas raízes datam dos tempos dos romanos. A era dourada foi no século XVI, quando foi residência de réis portugueses.

Destacam-se nos pormenores da arquitectura as casas brancas, os azulejos e as varandas. Estas características fazem de Évora o melhor exemplo de uma cidade do auge da História de Portugal depois da destruição de Lisboa no terramoto de 1755. Visitar Évora hoje poderá ser uma inspiração. Foi assim no passado, quando ajudou a criar algumas cidades portuguesas no Brasil, como Salvador da Bahia.

A Unesco refere ainda a muralha, o Aqueduto da Água de Prata, os edifícios medievais como a catedral, os conventos, os palácios, as igrejas, as praças como razões de força para visitar Évora. Venha ver com os seus próprios olhos.

Visitar Évora – Cultura

Évora
Évora

A oferta cultural em Évora não se resume aos vestígios do passado, embora lugares como o Colégio do Espírito Santo (Universidade de Évora) ou a Rota do Fresco que nos leva a conhecer o período barroco em Évora sejam, só por si, convites irrecusáveis.

Cada vez mais museus e outros pontos de interesse a nível cultural têm nascido em Évora, tornando-a um lugar fantástico para visitar mesmo quando o calor, o frio ou a chuva apertam.

Edifícios como o bonito Teatro Garcia de Resende e outros recebem eventos de teatro, marionetas, gravuras, curtas-metragens,… O Conservatório Regional de Évora, Eborae Música, organiza frequentemente espectáculos de música clássica.

O Museu de Évora expõe permanentemente uma colecção de arqueologia, arte e o espólio dos conventos de Évora, para além de apresentar também exposições temporários sobre diversos temas.

O recém-inaugurado Fórum da Fundação Eugénio de Almeida está ao nível de muitos espaços semelhantes que tenho encontrado em grandes cidades europeias. Bom gosto das exposições temporárias aliado à arquitectura e passado forte do edifício usado como Palácio da Inquisição.

Para quem encontra na cultura um motivo para visitar Évora, não deixe de conhecer o Museu de Arte Sacra da Sé de Évora, o Centro de Artes Tradicionais (antigo Museu do Artesanato), o Museu de Carruagens e outros pequenos espaços fáceis de encontrar e conhecer. Para se apaixonar ainda mais pelo Alentejo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here