COMPARTILHE

 

O Aol Travel elegeu a Francesinha como uma sanduíche de babar, numa lista de dez exemplos internacionais. O site norte-americano considerou que a iguaria portuense, apesar do seu diminutivo, de pequena tem muito pouco.

Francesinha
Francesinha

O megasite Aol Travel, um portento dos EUA sobre destinos turísticos e lazer, descreve a Francesinha, oriunda do Porto, e conta a sua origem: um emigrante português voltou de França para a sua terra natal e adaptou o [Croque Monsieur] – presunto e queijo grelhados, para os gostos portugueses.

Francesinha
Francesinha

Como afirma, essa adaptação significou juntar duas fatias de pão em torno de uma combinação de carne de salsicha e presunto, coroando-a com queijo derretido e encharcá-lo com um molho de tomate e cerveja, resultando na famosa iguaria portuense.

Francesinha
Francesinha

O Aol Travel apresenta uma lista de alguns exemplos dignos de babar, num total de dez sanduíches com origens espalhadas pelo mundo: Roujimao (China), Smorrebrod (Dinamarca), Kati Roll (Índia), Pan Bagnat (França), Gelato Sandwich (tália), Indian Taco (EUA), Chip Butty (Reino Unido) e Cemita (México).

Francesinha
Francesinha

A Francesinha é uma sanduíche recheada com linguiça, salsicha fresca, fiambre e bife, coberta de queijo, sendo depois “regada” com um molho picante, considerado a alma da receita, que tem por base tomate e cerveja. Esta especialidade portuense surgiu na década de 60, pelas mãos do português Daniel da Silva.

 

COMPARTILHE
Artigo anteriorFumeiro transmontano
Próximo artigoPorto Santo

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here