COMPARTILHE

 

A Igreja Matriz de Santa Marinha de Cortegaça, conhecida simplesmente por Igreja Matriz de Cortegaça localiza-se na vila e freguesia de Cortegaça, freguesia portuguesa do concelho de Ovar, distrito de Aveiro, em Portugal. As fontes relativas aos séculos X e XI não referem o templo, a sua padroeira ou o seu abade.

Igreja Matriz de Cortegaça
Igreja Matriz de Cortegaça

A referência documental mais antiga ao templo encontra-se em um testamento de 1163, onde Garcia Gonçalves lega ao Mosteiro de Grijó o seu direito de padroado sobre a Igreja Matriz de Cortegaça. No mesmo período, o Censual da Sé do Porto, que se acredita seja datado de 1174-1185, regista os tributos a pagar, em cereal e em dinheiro, pela Ecclesia Sanctae Marinae de Cortegaça, ou seja, a Igreja Matriz de Cortegaça. Acredita-se, por esta razão que a igreja remonte pelo menos ao meado do século XII.

Igreja Matriz de Cortegaça
Igreja Matriz de Cortegaça

No início do século XIII Sancho I de Portugal legou bens a D. Maria Pais Ribeiro (a Ribeirinha) e, desde então os seus descendentes sempre se declararam herdeiros naturais ou padroeiros da Igreja Matriz de Cortegaça. D. Constança Sanches, filha de ambos, declara formalmente que recebeu esse “direito” de sua mãe, direito que legou por sua vez ao Mosteiro de Grijó e que, aqueles frades nunca deixaram de exercer.

Igreja Matriz de Cortegaça
Igreja Matriz de Cortegaça

O actual templo foi erguido por iniciativa do padre Manuel Pereira, abade no período de 1901 a 1918. As obras foram iniciadas a 18 de Abril de 1910, com projecto de Manuel Soares de Almeida. A Implantação da República Portuguesa (Outubro de 1910) frustou a obtenção dos recursos solicitados à Monarquia pela Câmara Municipal, tendo se registado ainda, durante as obras, o falecimento do padre Manuel Pereira (1916).

Igreja Matriz de Cortegaça
Igreja Matriz de Cortegaça

Ainda assim o esforço da comunidade logrou alcançar a conclusão do templo, inaugurado solenemente pelo novo abade, padre José Maria Francisco dos Santos, em 18 de Agosto de 1918. A fachada da Igreja Matriz de Cortegaça foi revestida com azulejos no período de 1921 a 1923.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here