COMPARTILHE

 

Nome do vinho: Vila dos Gamas 2008

Uma produção da Adega Cooperativa de Vidigueira, Cuba e Alvito, este néctar dos deuses translúcido e de cor vermelho-violeta, apresenta um bouquet simultaneamente floral e frutado. Macio e com um paladar a frutos vermelhos frescos, o travo final é suave e equilibrado. Com um teor alcoólico de 13,5%, este vinho tinto, que recebeu 85 pontos, tem como preço de venda recomendado entre €2.08 e €4.89.

Nome do vinho: Redondo 2006

O Guia de Vinhos 2010 conferiu 80 pontos a este vinho de cor rubi-acastanhado, aroma inconfundível e sabor intenso. Com um teor alcoólico de 13%, este Redondo alentejano é uma experiencia para o olfato e para o paladar, terminando com um travo forte. Cada garrafa custa entre €2.49 e €2.95.

Nome do vinho: Tapada do Barão 2008

A Granacer produziu este vinho tinto que obteve 80 pontos, graças à sua composição jovem, fresca, incorporada e equilibradamente ácida. Com um bouquet e paladar altamente frutado, o seu teor alcoólico de 13,5% é facilmente disfarçado. Cada garrafa custa entre €4.49 e €4.99.

Nome do vinho: José de Sousa 2012

“O tinto tem as características que o identificam com a zona quente da planície: os tons aromáticos de fruta madura, as notas de couro e as sugestões vegetais secas, tudo aquilo que o torna apetecível à mesa”, diz João Paulo Martins. Não é para grande guarda, mas sim para dar prazer a partir do momento em que chega à boca.

Nome do vinho: Dom Rafael 2011

O vinho apresenta uma intensa cor granada e ao paladar chega uma macieza inicial, seguida de frescura em boca e persistência assente em “sólidos e sedosos taninos”, tal como se lê na página Vinhos do Alentejo. O vinho estagiou 12 meses em madeira e a maturação em garrafa levou outros seis meses.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here